16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra as Mulheres



Começa amanhã no Rio Grande do Sul a Campanha mundial dos 16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra as Mulheres
Secretarias de Estado, fundações públicas e privadas, coordenadorias municipais da Mulher, ONGs, Federações, entidades de classe e órgãos de imprensa estarão participando, a partir desta quinta-feira (20) da campanha mundial dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres. No Rio Grande do Sul a coordenação desse processo estará com a Coordenadoria Estadual da Mulher, do Gabinete da Governadora.

Com o slogan "Há momentos em que sua atitude faz a diferença. Lei Maria da Penha. Comprometa-se!", o foco da Campanha, em 2008, continua sendo a lei, que completou dois anos em vigor, e tem como objetivo conscientizar as pessoas de que, diante de um ato de violência, é indispensável tomar uma atitude: denunciar, apoiar, buscar e oferecer ajuda.

A Campanha será realizada de 25 de novembro a 10 de dezembro, em 154 países. Mas no Brasil ela começa mais cedo, em 20 de Novembro, Dia da Consciência Negra, representando o repúdio a dupla discriminação sofrida pelas mulheres negras no país.

Comentários

Anônimo disse…
Olá Francisco,
è sempre bom encontar pessoas com você na rede, e verdade que os assuntos mais importante não são de interesse da maioria, mas não é por isso que vamos nos calar.
Vou retribuir se link, abraços...