Daiane dos Santos flagrada em antidoping.



Daiane dos Santos flagrada em antidoping.

A Federação Internacional de Ginástica (FIG) divulgou, nesta sexta-feira, que o exame da ginasta deu positivo para a substância proibida furosemida, um tipo de diurético.

O site da FIG informa que Daiane já foi notificada, e que o caso foi submetido à comissão disciplinar da entidade. A ginasta tem até o dia 13 de novembro para pedir uma audiência e dar suas explicações.

Depois desta data, a comissão da FIG vai enviar suas conclusões para a comissão presidencial da entidade, que tomará uma decisão sobre a punição da brasileira. Se condenada, Daiane pode ser suspensa das competições por um período de até dois anos. A atleta terá 21 dias para recorrer ao Tribunal de Apelações da FIG.

O Pinheiros, clube de Daiane dos Santos, distribuiu um comunicado na tarde desta sexta, alegando que a ginasta estava inelegível para a realização de exames antidoping desde 23 de outubro de 2008, data em que a atleta foi excluída da seleção brasileira permanente de ginástica.

Segundo o clube, cabia à Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) notificar a FIG que Daiane se encontra em recuperação clínica , o que evitaria a abertura de um procedimento investigatório.

O advogado da ginasta, Cristian do Carmo Rios, também afirmou acreditar que ela tenha sido selecionada irregularmente para o teste.

O QUE FAZ O FUROSEMIDA?
O fármaco furosemida, também conhecido pelo nome comercial Lasix®, é um medicamento da classe dos diuréticos da alça que atua na Alça de Henle, que aumentam de forma intensa a excreção de urina e sódio pelo organismo. A sua principal utilização é na remoção de edema causado por problemas cardíacos, hepáticos ou renais.

Indicações Terapêuticas

A furosemida encontra-se indicada no combate ao edema (por exemplo, pulmonar) associado a diversas patologias, como a insuficiência cardíaca ou doença hepática e renal. Pode ser usada em casos de oligúria por insuficiência renal, e na correção urgente da hipercalemia.

Também pode ser utilizada na correcção da hipertensão arterial, embora seja normalmente preferidos os diuréticos tiazídicos.
Outras utilizações

A Agência Mundial Antidopagem inclui a furosemida, assim como outros diuréticos, na sua lista de substâncias proibidas, pois pode ser utilizada para mascarar o consumo de outras substâncias dopantes.

A furosemida também é utilizada, embora possa constituir doping à luz dos regulamentos, como uma forma de perder peso (à custa do volume de água) em desportos que são praticados por categoria de peso, permitindo inscrever o atleta num escalão de peso inferior.

Uma outra aplicação da furosemida tem sido na prevenção do síndrome da hemorragia pulmonar induzida pelo exercício em cavalos de corrida, que se manifesta por epistaxe durante a corrida.

Fica a dúvida, como ela se beneficiaria se não estava competindo e o produto não oferece vantagens competitivas?

VEJA A DENUNCIA AQUI >> http://www.fig-gymnastics.com/

Comentários